Passar para o Conteúdo Principal Top
Hoje
Máx C
Mín C

Cruzeiro da Arrancada

Cruz arrancada b 1 1024 2500

Cruzeiro da Arrancada

Designação: Cruzeiro em Arrancada

Localização: Aveiro, Águeda, Valongo do Vouga

Descrição: Soco quadrangular em forma de mesa sobre pedras paralelepipédicas de faces decoradas com traços definindo losangos simulando almofadas. Coluna facetada de 4 faces com fuste listrado por caneluras, sobre plinto. Capitel com molduras lisas. Cruz latina com representação escultórica de Cristo pintada. Alpendre aberto de planta quadrangular sobre 4 colunas toscanas que sustentam entablamento corrido no qual se apoia uma cúpula com cobertura piramidal coroada por pináculo sobre pedra paralelepipédica que exibe um rótulo com a data 1626 numa das faces e uma esfera armilar noutra.

Época construção: Séc. XVII

Cronologia: 1626 - construção.

Tipologia: Arquitetura religiosa, maneirista. Cruzeiro maneirista de caminho sobre base quadrangular e coluna com representação escultórica de Cristo, em madeira pintada, e alpendre aberto de planta quadrangular com cúpula de 4 faces.

Características particulares: Exibe a data de 1626 gravada numa das faces da pedra em que assenta o pináculo de coroamento da cúpula. As outras faces exibem uma esfera armilar bem como outros emblemas muito raspados. Deve tratar-se de um reaproveitamento. Dada a altura do soco onde se ergue o alpendre, a coluna do cruzeiro é atarracada em proporção à cruz.

Dados técnicos: Estrutura autónoma (cruzeiro) / estrutura autoportante (alpendre).

Materiais: Granito (cantaria), calcário (cruz e escultura)

Bibliografia: GONÇALVES, A. N., Inventário Artístico de Portugal - VI, Distrito de Aveiro, Zona Sul, Lisboa, 1959, p. 47; NEVES, Amaro, SEMEDO, Ónio, ARROTEIA, Jorge, Aveiro. Do Vouga ao Buçaco, Lisboa, 1989, p. 173.