Passar para o Conteúdo Principal Top
Hoje
Máx C
Mín C

Reconhecimento de Excelência para 18 Empresas Aguedenses

20110117171740622674 1 1024 2500
03 Fevereiro 2011

O Instituto de Apoio às Pequenas e Médias Empresas e à Inovação (IAPMEI), distinguiu 1105 empresas nacionais com o Estatuto PME Excelência 2010.

 

O Instituto de Apoio às Pequenas e Médias Empresas e à Inovação (IAPMEI), distinguiu 1105 empresas nacionais com o Estatuto PME Excelência 2010. Neste universo, encontram-se 18 empresas aguedenses, que se evidenciaram pela “qualidade dos seus resultados e elevados padrões de competitivos, com rácios de solidez financeira e de rendibilidade acima da média nacional”, contribuindo dessa forma para o desenvolvimento do tecido empresarial e criação de emprego.

O Município de Águeda congratula-se por este reconhecimento das empresas aguedenses com o Estatuto PME Excelência 2010, o que por si só afirma a qualidade, o dinamismo e competitividade do sector industrial do Município de Águeda.

 

PME Excelência 2010

 

Batista Gomes; Dinolux; ASD; Alital; Autofer; Avedol – Soluções de Espaços Comerciais; Dardo – Ferragens; Duramoldes – Moldes, Cunhos e Cortantes, lda; Empresa Central Serrana de Águas; HFA – Electrónica e Telecomunicações; Veneporte; Italbox; Jaben – Indústrias Metalúrgicas, S.A; Litan – Estantes Metálicas, Lda; Litoprint – Artes Gráficas, Lda; Estalagem da Pateira; PEP – Peças de Precisão e, Altenloh, Brinck & CO Portugal, S.A..

Estatuto PME Excelência 2010

Trata-se de um estatuto de qualificação empresarial criado pelo IAPMEI, numa parceria com o Turismo de Portugal, o Barclays, o Banco Espírito Santo, o Banco Espírito Santo dos Açores, o Banco BPI, a Caixa Geral de Depósitos, o Millenium bcp e o Santander Totta.

As PME Excelência são o subconjunto das PME Líder, que manifestem interesse junto do seu banco e que cumprem adicionalmente os seguintes critérios:

a) Pertencerem aos 2 primeiros níveis de rating (AAA ou AA), baseado no Relatório e Contas de 2009;
b) Cumprirem os seguintes critérios financeiros, suportados nas demonstrações financeiras de 2009:
i) Autonomia financeira (Cap.Próprios/Activo) >= 35%
ii) Crescimento do Volume de negócios face a 2008 >= 5%
iii) Rendibilidade dos Capitais Próprios (Res. Líquidos/Cap.Próprios)>= 10%
iv) Rendibilidade do Activo (Res. Líquidos/Activo Líquido)>= 3%


O Estatuto PME Excelência tem a validade de um ano e estão associadas oportunidades facilidade no acesso ao crédito, melhores condições de financiamento e de aquisição de produtos ou serviços, facilitação na relação com a banca e a administração pública, e um certificado de qualidade na sua relação com o mercado.

 

Carta Aberta – Reconhecimento de Excelência às Empresas Aguedenses