Passar para o Conteúdo Principal Top
Hoje
Máx C
Mín C

EB1 de Assequins conquista 2.º lugar no projeto SCRATCH on ROAD dinamizado em parceria com a Câmara Municipal de Águeda

Clip  189 1 1024 2500
28 Junho 2019

No âmbito do projeto All in Scratch, promovido pelo Centro de Apoio Social de Pais e Amigos da Escola (CASPAE), no passado dia 18 de junho, a comunidade escolar da EB de Assequins em parceria com a Câmara Municipal de Águeda e a Águas do Centro Litoral (AdCL), esteve na apresentação dos trabalhos desenvolvidos pelas crianças, e que se realizou no auditório do Instituto Superior de Engenharia de Coimbra (ISEC). A escola de Águeda, destacou-se entre as 18 turmas e trabalhos apresentados, conquistando um honroso 2.º lugar.

O Programa de Educação Ambiental Scratch on Road resulta de uma parceria entre a Águas do Centro Litoral com o CASPAE, que pretende levar a atividade de iniciação à programação às escolas que, pelas suas dimensões, afastamento dos centros tecnológicos ou falta de recursos humanos, não poderiam ter incluída esta atividade nos seus programas educativos.

Durante o ano letivo de 2018/2019, os alunos do 3.º e 4.º ano da escola de Assequins desenvolveram um projeto de programação que consistiu na criação de um jogo para sensibilização da problemática do lixo que vai parar ao mar, centrado na campanha de sensibilização ambiental “O Cano é que Paga”. Com esta atividade os alunos procuram alertar e sensibilizar a população para os prejuízos ambientais, mas também outros danos causados pelos entupimentos e obstruções nos emissários.

Assumindo o compromisso de “sensibilizar a Sociedade em geral, em especial as gerações futuras, para o desenvolvimento de uma consciência ambiental” através deste projeto, a AdCL reforçou o seu papel enquanto entidade interventiva ao nível da educação ambiental junto do público em geral e da população escolar.

Edson Santos, Vereador do Pelouro de Ambiente e Sustentabilidade, salienta a importância “das parcerias que o município desenvolveu com entidades neste ano letivo, e que permitiram a realização de diversas atividades nas nossas escolas!”. Reforça ainda que “a aposta na sensibilização ambiental vai continuar no próximo ano letivo, com os mais novos como os principais ”embaixadores” do desenvolvimento sustentável do nosso concelho.”
Pensar global, agir local!